Ler é poder!
Autora:  Edna Ribeiro
      
       No dia a dia o assunto é esse... ler é preciso... é preciso ler!
       Sempre fui adepta à leitura formal e  informal.
       Viajo  por entre as linhas de uma poesia ou prosa.
       Suspiro a cada frase melancólica  ou romântica.
       A realidade é essa; poucos leem; muitos criticam e não  sabem o por quê! 
       Examinar a nossa consciência é vagar pelo deserto e não encontrar água para saciar nossa sede.
       Nunca fui modelo para ninguém se inspirar.Contudo, sempre fui preocupada em tentar mudar  meu jeito de trabalhar, de lidar com as pessoas, principalmente com as crianças que passaram um dia em minha sala de aula. Hoje desempenho um papel mais importante ainda: o de incentivar  a ler.
       Fiz questionamentos, provoquei debates e discussões. Tudo para contribuir para um mundo melhor.
       Amadureci com os tropeços, desiludi com falta de interesse, me reergui da cinzas. Consegui passar a minha mensagem através de meus gestos, de minha conduta e de  minha personalidade.
       Meu trabalho é minha alma!
       Ler é poder; é sedução; é prazer!
       Para alguns ler ser um tédio; para outros um paraíso!
       É assustador saber que uma pessoa não tem paciência para sentar, relaxar e ler um livro.
       É cruel saber que uma pessoa passa o dia inteiro  fazendo compras, assistindo televisão ou ocupado com outros afazeres e não tem um minuto sequer para folhear uma página de um livro.
       Ler é poder! Acredito muito na fantasia, no amor, na paz mundial. Alimento sempre a minha alma e meu corpo.
       A imensa população precisa acreditar no poder da leitura.
       A leitura alivia os maus pensamentos, a angústia, a depressão e livra-nos do último percurso de nossa vida antes da hora marcada pelo Divino.
       Muito se gasta no dia a dia, pouco se gasta em livros.
       Sou otimista em dizer que ler é poder!
       Todo mundo tem um sonho. Todo mundo tem medo de alguma coisa.
       Meu medo é saber que um dia os livros impressos desaparecerão. Ficarão somente livros on-line.
       Meu sonho é mágico e muito especial. Ver os pais oferecendo livros para seu filhos, como presente de aniversário ou natal. Dormir e acordar com um livro na cabeceira da cama todos os dias. Ver crianças felizes por ouvir uma história na escola e recontar aos pais.
       A pressa é cruel; retrata a indelicadeza do ser humano. É a  enfermidade do futuro.
       O hábito da leitura começa com nossos pais passando este vício delicioso de geração em geração.
       Escolher um livro é ter o poder nas mãos. Ler um livro é abusar deste poder!
       Receber um livro de alguém é um gesto de carinho.
       Achar  um livro é cultivar um tesouro. Destruir esse livro é desilusão na certa!
       Ler é poder!
       E esse poder é todo seu!


CRÔNICA DE EDNA RIBEIRO
      

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO QUANDO VISITAR O BLOG Edna Ribeiro - Um Olhar para o Horizonte